participação encerrada.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

participação encerrada.

Mensagem  . em Sab Abr 12, 2008 7:22 pm

xx


Última edição por . em Sab Abr 26, 2008 7:44 am, editado 2 vez(es)

.

Mensagens : 51
Data de inscrição : 06/04/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: participação encerrada.

Mensagem  Karl Marx em Sab Abr 12, 2008 10:33 pm

O Engraçado é que a TV aberta brasileira cria, ou melhor, importa uma programação medíocre e quando o Estado baixa uma portaria para não permitir que programas adultos sejam exibidos em horários impróprios as Emissoras fazem o maior baralho! As Emissoras querem ter total liberdade para brincar com a cabeça de nosso povo e para lucrar com os anúncios milionários. O BBB é apenas um programa dentro de uma grande mídia que desde muito não possui mais nenhuma qualidade.
avatar
Karl Marx
Admin

Mensagens : 123
Data de inscrição : 27/03/2008

Ver perfil do usuário http://pensamento.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: participação encerrada.

Mensagem  Sérgio Bantam em Seg Abr 14, 2008 11:17 pm

Parece até que retirastes as palavras da minha boca, conquanto fazendo-o de forma mais completa e admirável, parabéns.
Um pouco sobre a dinastia da Globo.
Lembro-me ainda dos vários anos de jugo sob a lei da transmissão! A Compra de uma TV estava condicionada à antena e seu sinal. Comprava-se um TV moderna e uma antena moderna. Varinhas e alumínio e vários parafusos em "kits" garantiam que poderíamos ao menos algumas sombras. Há uns 35 anos atrás, havia de 5 a 7 canais de TV e seus sinais eram muito instáveis e oscilantes. Naquela época o Leviatã dos dias de hoje se ergueu! O então canal 5 era sinônimo de Rede Globo. Seu sinal era o mais forte e mais nítido. Nem Bandeirantes, Record, Excelsior, Tupi, RTC! O sinal da Globo era somente 50% chuviscos, mesmo com em VHF (antena pé de galinha), enquanto o sinal das demais geralmente era de 80% chuviscos. Havia o problema de a imagem correr na horizontal, vertical e também nas inclinada, invertida, pulando, saltando, rugindo, etc! Era normal que se trepasse no telhado para ir mudando a direção e ver se o sinal melhorava. A indústria do alumínio teve sua eclosão nesses dias. Na década de 80, com a inovação das bandas em UHF e da antena "espinha de peixe" os sinais melhoraram muito, graças também às estações retransmissoras regionais e os aparelhos de TV com regulagem fina para captação do sinal. Durante esse prólogo, o Brasil ainda era muito "aldeia". Não havia muitas opções de entretenimento e além da vida milionária que podia voar e viajar, a ralé que ainda andava de bonde e charrete mal tinha condições de recorrer a algo mais do que a praia e o cinema. As novelas iniciais que marcaram a primeira década da TV se tornaram uma doença. As famílias que viviam numa relação com o resto da humanidade baseada até então nas notícias pelo rádio, viram-se mergulhadas nos primeiros movimentos da informação globalizada. Noticiários como o "Mappin Movietone" eram uma trasliteração das notícias que se via no cinema antes do filme principal, para a TV. Na realidade um contraponto sobre o noticiário do rádio como o "Seu repórter Esso" que trabalhava com uma idéia revolucionária e chamativa no sentido de atrair a atenção e criar um vínculo por parte do público em relação ao mundo. Isso, até então, era difícil, notícias levavam horas e dias para chegarem a ser disseminadas e captadas pela população. Esse dinamismo, tal qual a revolução de Pullitzer e Hearst nos tablóides do século XIX, foi um marco no telejornalismo mundial e fixou a importância da TV como veículo de disseminação mundial na notícias de forma instantânea.
Continuando no sistema aldeão de noticiário, as vilas e pequenas aglomerações urbanas se enrodilhavam em, torno de um aparelho de TV para acompanhar a novela e o noticiário. Muitas pessoas que não podiam adquirir um aparelho, acabavam por ir na casa do vizinho que nobremente cedia o espaço para o devaneio geral.
Cada capítulo era acompanhado com paixão e as discussões tomavam as raias da insanidade por parte de alguns. Muitas pessoas viviam o dia inteiro para apenas assistirem a novela. O sujeito começava o trabalho falando em novela e saia dele com a mente fixa no assistir ao próximo e inédito capítulo. Esse frenesi tomava conta de todas as idades e classes sociais. Penso que muito poucos eram os desalienados disso.
Esse fenômeno envolve o velho hábito símio de se interessar pela vida alheia. Ser alcoviteiro na sociedade humana implica em tramar ótimas relações, pois todos gostam de quem sabe de tudo sobre os demais. Esse espírito leva e traz é velho conhecido em todas as formas de relação com o poder e suas engrenagens satélites. Estar a par da vida do vizinho equivale a poder acusar suas fraquezas e ascender numa escala de poder social se tornando menos escandalizável, suscetível e destrutível por parte dos dogmas sociais. A índole biscaia que mata o touro a sangue frio com a língua é um componente que envolve todos os grupos humanos.
Não seria por acaso que essa "Casa Das Meretrizes" faria SUCESSO nos lugares onde já estamos carecas de saber da vida alheia. Não é mais apenas se interessar pela vida de outrem, mas sim, prognosticar os eventos e argüir com o nosso senso de perspicácia em público, dando opiniões e nos fazendo de extremos conhecedores da justiça e suas formas previsíveis de manifestação.
O componente sexual que faz decair o senso, transformando tal programa num bordéu, é inserido como uma crítica social velada e assim anunciado implicitamente, porém seu clamor não reside nesse fato, mas na escabrosa vontade animal de o homem se "amar na praça feito aos animais"! Se em Roma o sexo alcançou tal conotação e houve as antecessoras do BBB como Messalina e companhia limitada, não era de se estranhar que essas atrizes de beleza uterina que já possuem mais horas de cama do que urubus de vôo, fizessem uma aguerrida disputa para ver qual delas teria mais silicone pelo corpo. A falta de classe e de decência que caracteriza eventos dessa magnitude só nos fazem acreditar que o mundo segue para as suas últimas noites.
Valeu!
avatar
Sérgio Bantam
Admin

Mensagens : 108
Data de inscrição : 29/03/2008
Idade : 56
Localização : Sorocaba/ São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: participação encerrada.

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum