O que é conhecimento? Quantos tipos de conhecimentos podem existir?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O que é conhecimento? Quantos tipos de conhecimentos podem existir?

Mensagem  Karl Marx em Qui Mar 27, 2008 10:24 pm

Fala-se muita na importância de adquirir e ampliar os conhecimentos, mas o que realmente significaria a palavra conhecimento?
avatar
Karl Marx
Admin

Mensagens : 123
Data de inscrição : 27/03/2008

Ver perfil do usuário http://pensamento.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Conhecimento e Creação!

Mensagem  Sérgio Bantam em Seg Mar 31, 2008 5:40 pm

Pergunta difícil!
Estudamos o que percebemos e sobre isso pensamos e indagamos!
Quais serão os novos atributos sensoriais que nos permearão as idéias? A incrível quantidade de conhecimento criado por meio de 4 máquinas simples (plano inclinado, roldana, alavanca e a cunha) nada mais do que variações do mesmo princípio impulsionaram a sociedade moderna industrial. A cunha em sua própria forma é relacionada com o infinito. Algo que começa sem dimensão e cresce angularmente rumo ao infinito. Essa analogia é inevitável, pois depois da análise de qualquer fenômeno, as possibilidades de sua natureza podem nos fornecer a base para outros princípios intrínsecos à ela que irrompam em novas idéias e conhecimentos. O cabedal de conhecimento humano se duplica a cada quinze anos! A física e a química se aprofundam em tudo, gerando auspícios no universo da biologia e engenharia de forma geral. Materiais inusitados jamais imaginados! Novas construções que nascem a partir das possibilidades desses novos materiais! Coisas que nos afligem no cotidiano como aparelhos domésticos como os PC's, DVD's, Celulares e até mesmo coisas triviais de outrora com novas funções como até mesmo um chuveiro computadorizado! Conhecer é então descobrir o âmago das Leis do Universo, o que nos conduz a um nível de consciência que possibilita usar o que de antemão a Mente Universal já criara.
É interessante observar a implicação dos conceitos de criar e "crear" definidos pelo Prof. Huberto Rohden na conformidade da boa e velha filosofia hermética:
"Crear- palavra latina que foi substituída pelo neologismo moderno “criar” é aceitável em nível de cultura primária, porque favorece a alfabetização e dispensa esforço mental, mas não é aceitável em nível de cultura superior porque deturpa o pensamento. Crear é a manifestação da essência em forma de essência; criar é a transição de uma existência para outra existência".

Com isso, fica claro que apenas desvendamos a "Creação", pois podemos somente criar, mas jamais "Crear" tal qual o que a "Mente Universal" engendrou como ação e reação da lógica consecutiva e base da fenomênica do Universo!
avatar
Sérgio Bantam
Admin

Mensagens : 108
Data de inscrição : 29/03/2008
Idade : 56
Localização : Sorocaba/ São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum